O esporte de maneira geral é saudável e benéfico. Porém não é isento de provocar lesões. A melhor maneira de se lidar com esta questão é a prevenção.

Cada esporte tem mais facilidade ao aparecimento de um tipo de lesão:

A distensão muscular ou estiramento pode acometer todos os tipos de esportes e pode acometer qualquer músculo do corpo humano. O uso excessivo, stress, e a fadiga são as principais causas de lesão. As lesões musculares são as mais comuns no futebol.

A dor cervical é geralmente causada por contratura muscular dos músculos cervicais. Esportes como surf e ciclismo em que o atleta fica muito tempo com a cabeça elevada olhando para frente são os mais acometidos.

As tendinites dos ombros acontece por um movimento exacerbado ou por movimentos de repetições . Acomete principalmente jogadores que utilizam muito os membros superiores como basquete e voley.

A distensão lombar ou lombalgia pode acometer todos os esportes em especial aqueles em que promovem movimento de rotação e agachamentos como o golf , musculação e o crossfit.
A epicondilite do tenista também chamada tennis elbow é a inflamação dos músculos extensores do punho que acomete esportes de movimentação do punho como no movimento de back hand do tênis ou squash.

O joelho do corredor ou tendinite patelar é a inflamação do tendão patelar no joelho que acomete os corredores , principalmente nos que fazem treinos e provas em subidas e descidas.
Mais de uma lesão pode acometer o atleta em um determinado esporte. Uma orientação adequada e um treinamento com aumento gradual de carga em geral ajudam na prevenção do aparecimento das lesões.