0
0
0
0
0
0
0
ou copiar o link

O esporte de maneira geral trás benefícios para o organismo. Porém ele também pode trazer malefícios. Se a pessoa que treina não tiver orientação adequada poderá trazer muitos malefícios para organismo , tanto a curto quanto a longo prazo!!! Exercícios feitos com muita repetição podem levar ao overuse ou “superutilização” de determinada região podendo promover inflamações de tendões e músculos e até levar a fraturas por stress nos ossos. No longo prazo exercícicos exagerados e sem orientação podem levar ao desgaste das articulações como na coluna , joelho e quadril.

Porém o exercício quando é bem feito e bem orientado, com aumento gradual da carga do número dos movimentos trás muitos benefícios para o organismo a curto e longo prazo. No curtíssimo prazo o melhor benefício é a produção de hormônios como a endorfina. A endorfina é um hormônio produzido por uma glândula chamada hipófise no cérebro que tem potente ação analgésica e quando liberada dá uma grande sensação de bem estar, melhor estado de humor e alegria. Quem já não experimentou aquela maravilhosa sensação de bem estar que sentimos logo após terminarmos exercícios??. Por ser um “hormônio natural” leva a uma sensação de bem estar e tranquilidade podendo inibir o stress principalmente se o exercício for de base aeróbico. Estudos recentes apontam que a endorfina pode ter um efeito tanto em áreas cerebrais que dão sensação de bem estar, quanto em áreas em áreas responsáveis pela depressão e ansiedade . Após corridas de longa distância como maratonas, mediu se ao final da corrida a quantidade de endorfina no sangue e ela mostrou-se 5 vezes mais elevada que em repouso e retornando ao normal após 24 hs.

Outros benefícios esporte a médio e longo prazo acontece no sistema circulatório especialmente no coração. Vários estudos mostram melhora da circulação das artérias coronarianas com exercícios aeróbicos, mesmo a caminhada.